Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sobre coisa nenhuma

Sobre coisa nenhuma

11
Abr18

Quando fomos passear aos Açores - São Miguel

Não há nada melhor que passear, não é? Para mim é um recarregar de baterias para os restantes dias/meses!

Posto isto, certo dia acordei e  mandei mensagem à família a dizer: "Este ano a Páscoa vai ser diferente, vamos passear aos Açores!". E pensei, vamos lá ver se pega. O que é certo é que colou, as mensagens de volta foram  rápidas e bastante positivas.

Como foi com alguns meses de antecedência, consegui  arranjar voos relativamente baratos (skyscanner) e depois a casa também não foi nada complicado (booking). Basicamente tratamos nós de tudo sem qualquer tipo de intermediário ficando assim bastante em conta.

 

E chegado o dia D lá foi a família passear! Ficamos uma semana em São Miguel e desenganem-se quem acha que é muitos dias para uma ilha só, ficou muita coisa por ver.

No primeiro dia já chegamos ao meio da manhã. A hospitalidade da ilha começou logo pelo dono do apartamento que alugamos que nos foi gentilmente buscar ao aeroporto. Optamos por apartamento porque por ser 6 pessoas ficava muito mais em conta. Este era relativamente novo, com áreas bastante generosas e bem localizado, apenas a 5 minutos a pé do centro. Perto tínhamos tudo o que precisávamos, cafés, padarias, supermercado.

 

No primeiro e segundo dia resolvemos ficar mesmo por Ponta Delgada, nem alugamos carro para esses dias porque a pé acho que se consegue conhecer melhor a cidade.

Ponta Delgada é linda, super florida, limpinha, tem jardins magníficos... muito agradável.

Portas da CidadeGraffiti

Igreja Matriz de São Sebastiãoflores

Mercado da GraçaDia_2_  (45).jpg

Jardim Botânico António BorgesTodos os dias um novo

 

Nos restantes dias tínhamos carro por isso corremos a ilha ponta a ponta. Alugamos o carro mesmo lá, e ficou bastante acessível. 

No terceiro dia fomos a Capelas, Ribeira Grande, Nordeste e Povoação. A ilha é magnífica, tudo tão verdinho! Não admira que as vacas sejam lá felizes :) 

Nesta volta dá para ver miradouros incríveis. O que mais me agradou e encheu a alma com a sua beleza foi o miradouro da Ponta do Sossego. Além de ser miradouro é um jardim absolutamente bem cuidado e florido. Lindo lindo!

Também fomos aos chás, é claro. Lá dentro dá para ver as plantações de chás e fazer um percurso o qual vai explicando como é o processo e no fim, provamos o chá. Eu achei bastante intenso.

A Ribeira Grande é outra cidade de São Miguel. Foi lhe dado um grande destaque devido ao grafite que fizeram lá do Nicolau Breyner, porém tem mais por explorar. Nós fomos por exemplo ao jardim Municipal da Ribeira Grande e foi uma agradável surpresa.

O Nordeste e Povoação parecem presépios, também vale a pena a sua visita.

Miradouro em capelasNicolau Breyner

 

 

Jardim Municipal Ribeira GrandeJardim Municipal Ribeira Grande

CháPonta do sossego

Ponta do sossegoPonta do sossego

No quarto dia fomos a Furnas e Vila Franca do Campo. Tínhamos de ir experimentar o tal famoso cozido, mas antes disso fomos espreitar como ele é feito nas fumarolas da Lagoa das Furnas. Chegamos lá mesmo na hora certa, estavam a tirar as panelas das fumarolas. O cheiro a enxofre é intenso mas engraçado de se ver como dentro da terra vem um calor tão grande. 

Antes de irmos encher a pança passamos pela Poça da Dona Beija...aaaahhhhh foi tão bom estar de molho naquelas águas quentinhas, relaxar, levar com jactos de água nas costas. Adorei!

O cozido é bom, não vou dizer que foi a comida dos Deuses, é apenas bom... não ia lá de propósito outra vez só para o comer.

Na volta passamos por Vila Franca do Campo, mais propriamente a Ermida da Nossa Senhora da Paz. Vistas lindas!!

FumarolasFumarolas

Poça da Dona BeijaPoça da Dona Beija

ErmidaErmida

No quinto dia fomos a Ferraria e Sete Cidades. 

O dia estava super ventoso. Sim, conseguimos apanhar 4 estações numa semana só, aliás, até num dia só. Super instável o tempo. Como na altura que fomos a Ferraria estava um vento que quase me levava não fui tomar banho na tal poça de água quente no mar. Porém estavam lá uns aventureiros. A paisagem aqui é negra devido à manifestação vulcânica desta zona. 

Ir à lagoa das Sete Cidades para nós foi uma aventura, devido ao nevoeiro. Já tínhamos tentado ir lá no terceiro dia e desistimos porque não se via nada nada nada. Até que nos disseram: "Só quando verem o tempo limpo é que vale a pena". E assim foi, saímos do restaurante e vimos a serra limpinha limpinha... nem pensamos duas vezes, era aproveitar já. E se valeu a pena senhores, é lindo, encantador, magnifico, tudo de bom. Foi o lugar que tirei mais fotos. Só tenho pena de na altura do ano que fomos não estar florido, mas é espectacular. Ah, e voltando ao estado do tempo, quando descemos as sete cidades ficou nevoeiro outra vez por isso tivemos aquele pico de sorte.

FerrariaSete cidades

Sete cidadesSete cidades

Sexto dia, já com pena que o passeio está com os dias contados, mas vamos lá aproveitar. Lagoa do Fogo e Caldeira Velha aí fomos nós.

Acerca da Lagoa do Fogo a conversa foi a mesma, só vale a pena irem lá se cá de baixo se ver as antenas, devido ao nevoeiro. E mais vistas incríveis.

A caldeira velha é outro parque de águas termais. Enquanto a Poça da Dona Beija é mais sofisticado este tem um ar mais selvagem. Ambos bonitos mas diferentes.

Na minha opinião, A dona beija para estarmos dentro de água é melhor, a caldeira velha quanto a paisagens é soberbo.

Lagoa do Fogovista

caldeira velhacaldeira velha

caldeira velhacaldeira velha

E assim acabou o nosso passeio e tanto que ficou por ver :( para uma próxima!!

 

Sobre o que comemos, vou sugerir o que realmente gostei:

Restaurante José do Rego - Lagoa (tudo é bom, mas foi onde comi o melhor polvo à lagareiro da vida)

Restaurante Associação Agrícola - Santana (melhor lugar para comer bifes das famosas vacas)

Restaurante Tony's - Furnas (onde comi o tal cozido)

Restaurante O Ala Bote - Ribeira Grande 

 

De resto como estávamos num apartamento comemos muito queijo (bons bons) e raras as vezes cozinhamos... petiscávamos.

 

Que venha o próximo passeio!! 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D